Quem disse que uma sala com pouco espaço não pode ter uma decoração sofisticada e confortável? Com imóveis cada vez mais compactos, o segredo é otimizar o uso do ambiente, vinculando funcionalidade e estética.

Na verdade, com alguns passos simples e boas escolhas, decorar uma sala pequena passa a ser uma tarefa muito interessante, em vez de um monstro de sete cabeças. E o resultado é incrível.

Então, para tirar as ideias do papel e montar a sala com o seu toque pessoal e muita sofisticação, confira nosso passo a passo! Só tenha sempre em mente que a palavra de ordem é equilíbrio — nada de excessos para decorar uma sala pequena. Confira!

1. Escolha a paleta de cores adequada

Um dos truques para dar amplitude sem perder a elegância é optar por tonalidades mais claras. Além de serem curingas, elas dão a sensação de deixar o ambiente maior e mais arejado.

O ideal é usar essas cores nos móveis maiores e elementos com maior apelo visual, como paredes, cortinas, tapetes, sofás. Mas tome cuidado com o excesso de claridade, que pode deixar o ambiente frio.

Insira cores mais vibrantes nos detalhes, como porta-retratos, capas de almofadas, moldura de quadros e vasos de planta.

2. Use espelhos

Os espelhos são elementos decorativos que nunca saem de moda. Além do tom de elegância que conferem aos projetos visuais, eles também dão o efeito de ampliação do ambiente. E você pode soltar a criatividade para integrá-los na decoração da sala!

Se gosta bastante de espelhos, você pode cobrir uma parte da parede, do teto ao chão. Porém, se esse não é muito o seu estilo, uma boa opção são os mosaicos: menores, eles têm formatos mais criativos e fazem as vezes de telas e quadros. Isso tudo sem pesar o visual.

3. Escolha a iluminação adequada

Um dos grandes segredos da decoração é a iluminação adequada. O tipo de lâmpada, as cores e a intensidade da luz provocam diversos efeitos visuais. Assim, pode-se criar um ambiente mais intimista e aconchegante ou um clima mais vibrante, mais arejado.

Como dissemos no início, para não errar, equilibre as proporções. Em geral, as luzes brancas conferem mais amplitude e frescor aos ambientes, seguindo a mesma lógica das cores claras. Já os tons mais amarelados deixam o local “menor”, provocando a sensação de proximidade.

Para a sala pequena, é recomendado uma lâmpada branca central e tons mais escuros ou coloridos em detalhes e pontos específicos.

4. Prefira móveis pequenos e multifuncionais

O tamanho dos móveis é decisor na boa utilização do espaço da sala. Como o tamanho é reduzido, é estratégico escolher peças menores, em vez de móveis grandes.

Por exemplo, em vez de escolher um sofá de canto que ocupa duas paredes, dê preferência a um sofá menor, e inclua poltronas. Assim, tem-se uma área livre para circulação.

Além disso, móveis com multifunções são excelentes, pois resolvem demandas de armazenamento e ocupam pouco espaço.

Enfim, com esses passos você vai tirar de letra a missão de decorar uma sala pequena. E, é claro, sem abrir mão da elegância e da sua personalidade! Agora, se gostou dessas dicas, aproveite para compartilhá-las com seus amigos nas redes sociais!

Share: